Beto no FC Porto


A equipa de futsal está mais próxima agora que já temos 4 guarda-redes na equipa principal

Palavra de honra que não entendo. Tenho uma desconfiança natural quanto a guarda-redes pequenos (arghhhh Rui Correia arghhhh) e Beto não é excepção. Não acredito que tire o lugar ao Helton, e isto significará, na minha leitura, que Nuno vai sair para terminar a carreira noutro lado, o que faz com que percamos mais um símbolo de união no balneário.
Ou a dar ouvidos às últimas notícias do outro lado da fronteira…o Beto vem para ser titular, o que me assusta ainda mais.
Não tenho dúvidas quanto à qualidade do Beto, mostrou-o este ano e deveria inclusivamente ser o titular da Selecção porque é de facto o guarda-redes português em melhor forma…mas daí a ser titular do FC Porto vai um caminho bem longo.
Enfim, como sempre vou dar tempo para o rapaz mostrar o que vale. Força, jovem!

1 comentário

  1. Discordo do comentário! E eu sei do que falo, porque fui o melhor guarda-redes no torneio do ano passado, na empresa! Ah pois é!

    Este Beto faz-me lembrar um dos grandes guarda-redes, da equipa da Santíssima Trindade, e só lhe faltam 3 coisas para ser exactamente igual: O bigodinho clássico, o cabelo enroladinho à caniche e… o N no meio do nome!

    Já agora, esclareço a alusão à Santíssima Trindade:
    Jesus, é óbvio
    O Espírito Santo como fonte inspiradora é o Rui Costa, o tal que distribuia kits de sócio como línguas de fogo
    E Deus, o que era antes e será depois (das eleições), com umas orelhas do tamanho do mundo para ouvir tudo o que se passa, é aquele sócio do FCP que tem um MURCÃO que lhe paga as quotas!

    Por isso, boa sorte para o Beto e que lá no restaurante da sogra metas uns frangos no churrasco!

Deixar uma resposta