Uma questão central


Acabada de confirmar a contratação de Maicon, o FC Porto tem actualmente no seu plantel a bonita soma de sete defesas centrais:

  • Bruno Alves, talvez o melhor central português do momento e um dos melhores centrais do mundo em termos físicos e em jogo aéreo;
  • Rolando, titularíssimo ao lado de Bruno Alves, em crescendo e maturação;
  • Pedro Emanuel, capitão de equipa e jogador mais antigo do plantel;
  • Milan Stepanov, a (pouco credível) alternativa de leste;
  • Nuno André Coelho, o jovem que regressa à base vindo de uma excelente temporada no Estrela da Amadora;
  • Bernardo Tengarrinha, mais um jovem que esteve no Estrela, fazendo uma temporada não muito vistosa;
  • Maicon, com 20 anos, com uma boa época no Nacional da Madeira e que chega por 1,1 milhões de Euros que compram metade do seu passe.
A estes poder-se-iam juntar mais alguns que temos emprestados, casos de Steven Vitória no Olhanense ou Bura ou João Paulo mas creio que não terão hipóteses de fazer parte do plantel 2009/10, por isso não faz muito sentido analisar esses casos remotos.
O que acontece neste momento? É preciso fazer algum dinheiro. Bruno Alves está na rampa para ser vendido, desejo admitido pelo próprio e que não censuro. Stepanov quer jogar e aqui não vai ter chances, Pedro Emanuel está a ficar com anos a mais para jogar a sério, e por isso a questão prende-se: teremos uma pequena revolução no sector? Saindo Bruno Alves e Stepanov, previsivelmente, ficaremos com cinco homens para 4 posições. Quem sai, quem fica? As próximas semanas o dirão…
PS: Ah, e as comparações de Maicon com Pepe já enjoam. OK, o rapaz é novo. Veio da Madeira, sim. É brasileiro, tá bem. Rapa o cabelo, pronto. É defesa central, concordo. Mas para além disso, vêem mais alguma parecença? Bem me parecia.

Deixar uma resposta