Gosto muito de te ver à porrada, leãozinho!

Desde há muito tempo que reconheço as principais diferenças entre os adeptos portistas e sportinguistas, bem como as parecenças que ainda que poucas, existem. Começo pelas semelhanças, que se reduzem a uma: uma noção intrínseca que a grande maioria dos benfiquistas têm fracos hábitos de higiene e de desenvolvimento intelectual, ao mesmo tempo que parecem padecer de algum tipo de problema de hiper-euforização. Isso e sabermos que deviam ser todos enviados para o fundo da barragem do Carrapatêlo com a subsequente abertura das comportas. Sim, isso…um gato para afagar, rápido!
Agora em termos de diferenças a história é diferente. Enquanto que os rapazes lá do clube dos Viscondes habitualmente mostram uma arrogância snob em relação ao resto dos mortais, pavoneando-se entre Presidentes da Câmara, magnatas da cerveja, tias de Cascais e latifundiários alentejanos, cá a malta no burgo tem aquele ar mais proletário. A gente cá trabalha e eles vão exibindo.
Hoje, dia em que Paulo Bento optou por nos privar das suas geniais conferências de imprensa e tiradas mímicas jocosas, li no SAPO Desporto que José Eduardo Bettencourt ia andando ao milho com um adepto no exterior do Alvalade XXI. Dirão: “Ah pois é, o gajo tem cabelo branco mas aquilo é só para enganar, ele é um lutador à antiga, um verdadeiro Tyson caucasiano!”. Mas o que mais me surpreende é que o homem, segundo a notícia, tirou o casaco antes de enfrentar o fulano que estaria, aposto, a manchar a reputação das progenitoras da direcção leonina.
Tirou o casaco!? Será que Bettencourt pensava estar no Fight Club em frente ao Brad Pitt? Não podia aguentar algum sangue no blazer? Tinha medo que a gripe A se entranhasse no forro?
Tendo em conta que no campo ambas as equipas estão a desiludir os seus adeptos (ainda que o Sporting esteja uns furos abaixo de nós) esta actualmente é a grande diferença entre portistas e sportinguistas, meus amigos: nós precisamos de dar mais luta contra os outros, mas eles já andam à luta entre eles!

1 comentário

  1. Obrigado pela parte que me toca, já vi que não vale a pena ler blogs dos outros clubes, mesmo que sejam de um amigo. O futebol é excessivamente irracional! Lembra-te que é apenas um jogo, mormalmente com 3 resultados possíveis, dependendo de quem joga. Mas é um jogo. Deixa lá o ódio de lado que sei que não és assim. Nem a tipa que criticas no post anterior diz alguma coisa que coloque em causa a vossa superioridade nos últimos anos. Agora a questão é: há escutas ou não há? Se são admissíveis, isso são tecnicalidades legais que não me interessam. Existem ou não?
    De resto, parece-me que a nação portista anda mais nervosa ultimamente, em particular este ano. Não tá fácil travar o meu Benfica e só roubando como na semana passada em Braga. Só que ainda faltam 20 jogos e muita roubalheira ainda terá de haver.
    Mando-te um abraço, meu amigo, porque sei quem és e sei que mandas muita coisa apenas da boca para fora. Mas imagina como reagiria a estes posts se não soubsse quem eras… ah pois é… pensa nisso quando escreves. Afinal, o convite para vir a este blog foi teu e sabes claramente que não pertenço à família portista. Grande abraço da Madeira e viva o Marítimo :-) SLB Sempre!!
    PS: ás vezes tenho medo. Tenho medo de acordar e que as notícias desportivas sejam prisões em catadupla de dirigentes portistas ou benfiquistas e que seja descoberta toda a podridão do futebol que invalide os resutados desportivos. Até prefiro que isso não aconteça…

Deixar uma resposta