Fiorargentina?

(foto retirada d’A Bola)

Depois da venda de Bolatti à Fiorentina (que aparentemente até é titular pelos viola), eis que aparece o alegado interesse em Valeri.

Apesar da notícia estar tão bem fundamentada como o sexo dos anjos, há alguma coisa que me está a falhar? Há outros clubes que acham que aqueles jogadores que todos vimos a jogar e que não pareciam mostrar grandes qualidades para ficarem no plantel…afinal são bons e interessam?

Das duas uma: ou eu não percebo nada disto (o que é bem possível) e os gajos são mesmo bons, padecendo apenas de problemas de adaptação à cidade/clube/treinador/colegas/adeptos/estádio/francesinha..ou então os empresários quando se começam a mexer acabam por fazer negócios incríveis…

6 comentários

  1. Meu caro, quando o Valeri veio para o F.C.Porto teci-lhe grandes elogios, não porque o conhecesse muito bem, mas porque tinha as melhores informações de pessoas que o conheciam bem e que o viram jogar várias vezes, na época 2008/2009, onde esteve em grande e foi pretendido por clubes espanhóis, italianos e ingleses de 1º plano. Hoje, pergunto-me onde pára esse Valeri? Só que, esta época tem sido tão anormal, tão problemática, que mesmo sentindo uma grande desilusão, não quero ser definitivo no meu juízo de valor. Não sei o que vai acontecer, mas acho que não vimos o verdadeiro Valeri. Aguardemos…

    Um abraço

  2. Boa tarde
    Parece-me que o Valeri está a sofrer as consequências da má época do FCP. Uma pergunta, quantos jogos completos fez o Valeri nesta temporada??Não se pode avaliar um jogador quando este entra 25 minutos por jogo e às vezes nem isso. Se lhe derem tempo no FCP (espero bem que não) o Valeri vai surpreender muita gente.
    Cumps

  3. Concordo com o Miguel. Nos poucos jogos que foi titular, fez bons jogos. O último que me lembro até foi em Madrid contra o Atlético e foi dos melhores em campo.

    Por mim é um dos que ficam para o ano.

  4. Concordo que no jogo de Madrid deixou bons apontamentos, mas a falta de rotina da equipa aliada à falta de consistência exibicional da mesma, por vezes não ajudam a que um jogador, especialmente em 1ª época na Europa, se consiga impôr. Há vários casos assim.

    O próprio Belluschi, por exemplo, está a ser mais vítima do que culpado, já que acho que não é o tipo de jogador para jogar naquela posição. Em minha opinião, o Belluschi é um 10 puro, e normalmente um jogador assim não dá para adaptar à posição 8, em que ele joga. O problema é que no sistema do FCP a posição 10 não existe, e ele passa os jogos claramente a fazer um papel entre o 8 e o 10 que, como todos sabemos, no futebol não é o 9, mas sim uma espécie de "rebelde sem causa".

    Em conclusão, acho que o Valeri poderá crescer na próxima época, acho que merece uma 2ª oportunidade, mas o Belluschi, a menos que mude o sistema (logo, treinador), não tem lugar, não por falta de qualidade, mas mais por falta de espaço.

  5. o problema é que o nível de exigência tornou-se muito alto e quando o jogador chega e não produz, começa-se logo a dizer mal. eu tento dar sempre um período de graça para o rapaz se adaptar, mas nem todos são assim…

Deixar uma resposta