Baías e Baronis – 2009/2010 – Plantel

Na última tranche de análises, os mais fáceis: os jogadores. São eles que vemos todos os fins-de-semana a suar e a correr, uns mais que outros, mas todos com a camisola azul-e-branca (ou, neste ano, laranja) no torso. Às vezes vêem-se alguns sem ela e depois levam amarelo. É uma parvoíce essa lei, deixem-me que vos diga. Enfim, vamos lá às notas, num B&B um pouco diferente já que vou iterar pelos jogadores todos sem separar à cabeça o trigo do joio, fazendo-o caso a caso em apontamentos simples que pretendo não sejam muito prolongados. De notar que as notas são referentes apenas a esta temporada!!! Siga:

HELTON – Não foi a melhor temporada mas não foi má de todo. Salvou-nos em alguns jogos e apesar de mostrar a tradicional super-confiança acabou por ser um elemento importante como de costume.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

BETO – Não foi o Helton-killer que todos esperavam que fosse mas sempre que foi chamado mostrou segurança e garantiu que era opção tão boa ou melhor que Helton. Mereceu a chamada à Selecção e poderá ser titular para o ano.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

NUNO – O veterano esteve razoavelmente bem este ano. A não-defesa que deu o primeiro golo do Benfica na final da Taça da Liga fica na mente de todos, mas a tomada de posição como defensor (um pouco paternalista mas ainda assim aceitável) do grupo de trabalho na famosa declaração conjunta “Somos Porto!” colheu aplausos da massa associativa. É um de nós e dá experiência ao balneário.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

MIGUEL LOPES – Pouco utilizado na primeira parte da temporada, mostrou ser alternativa a Fucile. Precisa de mais tempo, mais calma e mais experiência.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

FUCILE – Se a espaços foi dos melhores da equipa, especialmente na primeira fase da temporada, baixou imenso para a segunda metade. O jogo em Londres foi das piores exibições que eu vi de algum jogador do FC Porto. Pensei que tinha tido apenas um mau dia mas esticou-se para o resto da época. Parece ter chegado a altura de vender o uruguaio.

Veredicto 2009/2010: BARONI

SAPUNARU – Fraco demais, jogou pouco e sempre que o fez aparentou insegurança, para além de parecer um adolescente a sair da casca: andou à porrada, apanhou a bêbeda num avião…só faltou ser apanhado a andar aos amassos com uma colega de turma…
Veredicto 2009/2010: BARONI

ÁLVARO PEREIRA – Uma bela surpresa este rapazola. Corre que se farta, apoia o ataque com força e garra e foi o substituto ideal para Cissokho, que tanta gente pensou que nos ia fazer muita falta. Não fez porque lá estava Álvaro. A manter a todo o custo.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

ADDY – Muito verdinho tacticamente mas com bons apontamentos no jogo da Taça frente ao Rio Ave. Terá que ganhar tempo de jogo para ser opção consistente.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

BRUNO ALVES – A grande desilusão da temporada. Desvalorizou-se aos olhos dos adeptos com as atitudes violentas em alguns jogos e acabou por ser mais importante na Selecção do que no clube. Como capitão de equipa nunca pareceu ser um verdadeiro comandante e a equipa ressentiu-se disso, especialmente a nível defensivo, onde fomos demasiadamente permissivos. A somar a isso vieram as declarações no final da temporada onde alegava querer melhorar o nível de vida, o que não caiu bem ao povo portista, como era previsível.
Veredicto 2009/2010: BARONI

ROLANDO – Rolando foi o melhor central do FC Porto em 2009/2010. Porra.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

MAICON – Parece lento demais mas compensa com inteligência a avaliar as jogadas de perigo. Bem melhor que Stepanov no ano transacto.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

NUNO ANDRÉ COELHO – Jesualdo não lhe fez favores nenhums ao atirá-lo aos leões em Londres, mas o que é certo é que não teve muitas oportunidades no campeonato, jogando quase exclusivamente nas competições menores (onde se mostrou a bom nível)…e nos oitavos da Champions contra o Arsenal. Espero vê-lo a jogar mais para o ano.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

FERNANDO – Pivotal no meio-campo, impede qualquer outro jogador de chegar à titularidade na sua posição porque é de facto bem melhor que as alternativas. Tem que melhorar as saídas para o ataque e os passes curtos.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

PREDIGER – Mais um flop argentino. Jogou pouco, é verdade, mas sempre que o fez pareceu um Bolatti moreno de cabelo mais comprido. Não, obrigado.
Veredicto 2009/2010: BARONI

GUARÍN – E esta, heim? Valerá a pena manter Fredy no plantel para 2010/2011? Se encontrarmos melhor, não, caso contrário é capaz de ser uma alternativa sofrível para estar no banco. Não podemos depender de jogadores como Guarín na equipa titular, é tosco demais (já se esqueceram deste jogo?!) e apesar de ter feito um final de época de bom nível continua a não me convencer.
Veredicto 2009/2010: BARONI

RAUL MEIRELES – Durante toda a temporada foram usadas as mesmas expressões para descrever as performances do Mr.Tattoo pelo FC Porto: cansado e desinspirado. Fez alguns bons jogos pela Selecção mas esteve muito aquém do habitual. A par de Bruno Alves e Fucile, talvez tenha chegado ao fim da linha no clube.
Veredicto 2009/2010: BARONI

BELLUSCHI – Desde ano passado que os adeptos ouviam falar no misterioso senhor do cabelo estranho que viria substituir Lucho. Nem de perto nem de longe foi o salvador do meio-campo, parecendo alheado durante 80% dos jogos, apesar de ter a atenuante de jogar fora da posição natural devido à táctica de Jesualdo. Teve uma primeira temporada…a roçar o suficiente menos, mas pode ser um nome a apostar em 2010/2011.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

VALERI – Sempre que o via a entrar pensava: “Olha, o Kulkov argentino”, na esperança que apesar da extrema lentidão pudesse mostrar alguma coisa de positivo. Não conseguiu. Aparentemente ficará no clube para 2010/2011, por isso espero para ver se o rapaz consegue ser mais expedito que uma tartaruga idosa e obesa.
Veredicto 2009/2010: BARONI

TOMÁS COSTA – Mais uma desilusão. Já o defendi em diversas ocasiões mas este ano já chega.Jog
ou pouco e quando o fez não trouxe nenhuma mais-valia à equipa, apesar de algumas exibições razoáveis quando Fernando esteve lesionado. Não mostrou, porém, qualidade suficiente para ficar mais um ano no plantel.
Veredicto 2009/2010: BARONI

RUBEN MICAEL – Não sendo o melhor jogador do mundo, nota-se que sabe o que fazer com a bola nos pés. Escrevi aqui, depois do jogo contra o Nacional: “Sempre que tinha a bola criava perigo, fosse com passes a rasgar as defesas ou com rotações simples para o flanco, trouxe uma clarividência que este ano ainda não tinha visto. Palavra que por vezes parecia que Lucho ainda estava a jogar, tal era a diferença do seu toque de bola para os outros que lá costumam andar. Gostei de ver o empenho, o esforço e a qualidade.”. Chega.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

MARIANO GONZÁLEZ – E cá vamos de novo. Muitos jogos maus e dois jogos fabulosos (Sporting para a Taça e Académica para a Taça da Liga), lesionou-se gravemente e não pôde dar o contributo à equipa no final da temporada quando precisávamos de…gente. Continua a ser muito inconstante mas é possível que para o ano consiga motivar os colegas. Deus sabe que eles tem de gostar dele porque não é pelo bom futebol que pratica que vai ficando ano pós ano nos plantéis…
Veredicto 2009/2010: BARONI

CRISTIÁN RODRÍGUEZ – O gordinho oficial do plantel teve uma temporada para esquecer. Suspenso para jogos do Uruguai, ficou fora do Mundial. Fez apenas 7 jogos completos e nos 26 que participou raramente houve algum em que tivesse papel positivo. Espera-se muito mais para 2010/2011.
Veredicto 2009/2010: BARONI

VARELA – Na primeira parte da temporada, enquanto Rodríguez estava badochamente ausente, Falcao a adaptar-se e Hulk e brincar sozinho, foi o principal impulsionador do ataque portista que acabou por ver em Varela a proverbial tábua de salvação para muitas situações incómodas onde precisava de criatividade de génio no meio-campo que não surgia. Assim sendo, bola para a ala e siga o Silvestre. Esteve muito bem até se lesionar gravemente, falhando o Mundial. Espero vê-lo na mesma forma para o próximo ano.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

HULK – É um jogador que me deixa ambivalente e não deixa ninguém indiferente (e sai mais uma rima). Ainda não atingiu estatuto de vedeta nas hostes portistas mas está a começar a ser comparado com Ricardo Quaresma na postura “brincalhona” com que encara alguns lances. Pode ser um jogador incrível e fazer jus à alcunha, mas ainda não chegou lá. Com a parvoíce do túnel espero que tenha aprendido que tem de resistir a provocações, sejam de adversários ou de figuras externas ao jogo. Continuo a acreditar que pode ser uma peça importante para a equipa.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

FALCAO – O grande jogador da temporada. Acabou com 34 golos, pouco abaixo da marca de Jardel na sua época de estreia (1996/1997), e foi a melhor contratação da época. Um jogador diferente de Lisandro, que veio substituir, fez exibições quase perfeitas de entrega, garra e luta, marcou alguns golos de excelente estética e foi sempre a principal figura positiva da equipa. Os meus parabéns, Sr.Radamel!
Veredicto 2009/2010: BAÍA

FARÍAS – Não entendo como continua a marcar golos como o faz. Custa-me dar um Baía ao avançado mais lento de sempre no FC Porto mas os factos são indesmentíveis: o gajo marca golos. No entanto continuo a achar que precisamos de mais e melhor.
Veredicto 2009/2010: BAÍA

ORLANDO SÁ – Pouco tempo de jogo, muito esforço mas também muita tosquice. Na minha opinião tem de ser emprestado para fazer uma temporada inteira a ganhar ritmo e experiência.
Veredicto 2009/2010: BARONI

Para o ano há mais…alguns de azul-e-branco, outros noutras paragens…a palavra à SAD e ao novo treinador, quem quer que ele seja!

8 comentários

  1. Uma pergunta: esta dos “Baías e Baronis” é inspirada numa “Vedeta ou Marreta” que existe num site benfiquista?

    A minha avaliação à época do plantel:
    Helton: Baía
    Beto: +/-
    Nuno: Baía

    Miguel Lopes: Baroni
    Fucile: Baía
    Sapunaru: +/-
    Álvaro Pereira: Baía
    Addy: ? (provavelmente é bom, foi campeão do Mundo de sub-20. Deve ficar no plantel)
    Bruno Alves: Baía
    Rolando: Baía
    Maicon: ?
    Nuno André Coelho: ?

    Fernando: Baía
    Prediguer: ? (raramente/nunca jogou, não faço ideia se é bom ou mau)
    Guarín: Baía
    Raul Meireles: Baroni (o FC Porto tem de o vender esta época, é agora ou nunca)
    Belluschi: (Baroni)^ 2 (BeLIXO)
    Valeri: ? (raramente/nunca jogou)
    Tomás Costa: +/-
    Rúben Micael: Baía (mas não pelo que fez no FCP, mais pelo que fez na primeira metade da época no Nacional)

    Mariano: +/-
    Cristián Rodríguez: Baroni (péssima época… mas deve ficar no plantel para o ano)
    Varela: Baía
    Hulk: +/-
    Falcao: Baía
    Farías: Baía
    Orlando Sá: ?

  2. já li esse vedeta ou marreta mas também há o "Dragão ou Murcão" no BiboPorto, Carago!

    cada blog tem a sua nomenclatura, esta é a minha :)

  3. Guarda-Redes

    Helton:Baia
    De vez em quando tem uns flashes mas foi bastantes vezes (bem mais que noutras épocas) o salvador da pátria azul e branca

    Beto:Baia
    Penso que no global fez bons jogos, tendo em conta que foi o 1ª ano em que sentiu a responsabilidade e o peso de jogar no grande FCP…Isso não invalida que tenha tido um ou outro lapso…mas nada de grande monta na minha opinião…

    Nuno:Baroni
    Vai-me custar engolir aquele frango contra a agremiação de benfica… por mt que se tenha empenhado no famoso grito "somos porto", continuo a ter uma espinha atravessada na garganta por causa da taça da liga…pode não ser a competição mais nobre mas fazendo parte do calendário oficial tem de ser ganha…especialmente s o adversário da final for slbosta…

    http://saboraporto.blogspot.com

  4. Defesas

    Não sei o que se passou este ano naquele balneário/treinos e que tornou a nossa defesa em imensos jogos um autentico conjunto de baronis…honrosa excepção para Alvaro Pereira que mostrou mt raça e querer mas que também terá de rever alguns posicionamentos defensivos…
    Quanto ao resto vai tudo corrido a Baronis…uns mais baronis que outros, mas todos merecedores desta negativa distinção…comecemos pelos mais baronis…
    Fucile, Bruno Alves e Sapunaru…o 1º pelas horripilantes exibições em jogos decisivos (e menos decisivos tb)…Bruno Alves pela persistente conduta violenta ao longo da época (a final da taça da liga fala por si) e pelas constantes demonstrações de insastifação em defender o emblema que lhe deu tudo na vida…
    Sapunaru…vale mesmo a pena falar dele ??? é melhor bebedor de vodka do k jogador de futebol…rua já !!!
    Rolando menos baroni, quase baia, mas tb não ficou mt bem na foto em mts jogos…alguns deles decisivos…
    Nuno Coelho e Maicon…definitivamente 2 baronis, embora no caso do 1º fique pessoalmente triste
    pois tenho em querer que é bom central…não pode é jogar tão pouco e especialmente fora da sua posição…
    Quanto a maicon:mau de mais para ser verdade…fez-me lembrar a 1ª época do pepe…no entanto, julgo que não tem a qualidade necessária
    para dar a volta por cima e atingir o patamar elevado do luso-brasileiro…
    Miguel Lopes um baia, quase baroni, nota-se alguma verdura a defender e por isso é normal ver amarelos cedo…leva baia por ter sido tb a sua 1ª época de dragão ao peito…
    addy sem tempo para ser avaliado…

    Ou seja,
    Alvaro Pereira e Miguel Lopes:Baía
    Bruno Alves, Rolando, Nuno André Coelho, Maicon, Fucile: Baroni
    Addy:fica pró ano a avaliação…

  5. Meio campo

    Mais um sector onde a maioria dos jogadores deixou mt a desejar…
    Começando pelos que mais se distinguiram: Fernando e Ruben Micael…
    Para o 1º um grande Baia pela dedicação e empenho que mostrou sempre em campo… Que falta fez em londres na desgraçada humilhação que sofremos…
    Ruben:um baia, pelo bom inicio e bom final de campeonato que teve no porto (mas com jogos de autentico baroni pelo meio), pelo bom campeonato k fez ao serviço do nacional e pelos golos na liga europa…
    De resto, vai tudo corrido a baronis…
    Beluschi, um jogador que prometia mas k tirando o golo ao slbosta (e os k foi marcando de livre directo) e alguns pormenores de classe, passou quase sempre ao lado dos jogos… pode ter jogado fora do seu habitat posicional favorito mas isso não pode ser desculpa para a tremenda desilusão que de facto foi…
    Guarin…um dos meus ódios de estimação que revelou faceta de goleador na fase final da época…mas não me esqueço de diversos jogos em que parecia estar a fazer um frete por jogar…mas leva um baroni essencialmente por um episódio que sucedeu no porto-olhanense…guarin, dps de uma defesa de ventura, apontou para o simbolo do FCP na sua camisola como que dizendo ao Ventura para deixar entrar as bolas, como que relembrando-lhe k tinha contrato com o FCP… lições de portismo dadas pelo guarin a um atleta que tem de épocas de porto o que o guarin nunca terá, é merecedor de receber baroni para todo o sempre…
    Tomás Costa:baroni…é esforçado mas sinceramente não tem qualidade para um clube do calibre do FCP !
    Valeri: todos os baronis do mundo sem poucos para valeri…uma desgraça completa !
    Perdiguer: mais um barrete que nos enfiaram e por isso mais um baroni…
    Ou seja,
    Fernando e Ruben Micael:Baia
    Belushi, Guarin,Tomás Costa, Valeri, Perdiguer: Baroni

    http://saboraporto.blogspot.com

  6. Ataque

    O sector com mais prémios Baía este ano…e com aquele jogador que tem de ser considerado o Baía do ano: o colombiano Falcao ! Raça, atitude à Porto dentro e fora de campo, e claro mts golos não deixam ninguém indiferente e fazem de Falcao a referência da época que findou…Um Baía também para Varela que se adaptou mt bem ao clube e dinamizou o ataque…pena a lesão que terminou abruptamente com a sua época…
    Para Farías sai tb um Baía…não aprecio o jogador mas marcou golos com alguma regularidade e por isso desempenhou bem a função para a qual foi contratado…
    Para Hulk atribuo um Baía…apesar de pensar que merece um baroni (quer pelo pouco que fez na esmagadora maioria dos jogos em que participou, quer pelas constantes quaresmices que teima em fazer) é um símbolo dos poderes instalados no nosso futebol…e como grito de revolta por tudo o que se passou nos túneis deste campeonato, Hulk leva o Baía simbólico…para o ano no entanto tem de fazer mais e melhor…a clausúla de rescisão estapafúrdia que tem no contrato não está minimamente ajustada ao real valor do hulk…100 milhões de euros…
    não é o messi…

    Baroni para Mariano e Rodriguez…Bastantes semelhanças entre ambos…Lesionados boa parte da época, marcaram alguns golitos e tiveram um ou outro fogacho mas no global mostraram muita lentidão e falta de ideias e por isso são galardoados com o prémio menos desejado…
    Orlando Sá…tem de ser um baroni com muita pena minha que tinha esperanças no rapaz…pode ser que um ano de rodagem noutro clube o torne num avançado mais letal e menos tosco !

    Ou seja,
    Falcao,Varela,Farias,Hulk:Baía
    Mariano,Rodriguez,Orlando Sá:Baroni

    http://saboraporto.blogspot.com

  7. Por lapso esqueci-me do Raíl Meireles no meio campo…para ele um grande baroni…época muito fraca…um jogador que eu admirava e que este ano este muitos furos abaixo do seu real valor…tal como Bruno Alves, estará na hora de sair pois jogadores a fazer frete nunca irão fazer falta ao FCP…

    http://saboraporto.blogspot.com

  8. é sempre bom ver que as minhas opiniões coincidem (mais coisa menos coisa) com a de outros portistas!

    já agora, adicionei um link para o Sabor a Porto aqui na Porta19 :)

    um abraço e aguardo os próximos comentários, que tenham a mesma qualidade destes primeiros!

Deixar uma resposta