Inúteis

O FC Porto venceu no Sábado a Académica. Foi um jogo épico, em condições estupidamente difíceis, onde 11 homens enfrentaram outros 11 homens sobre um relvado encharcado, com luta, emoção, competição saudável, agressividade positiva, dedicação à profissão, brio e capacidade de sofrimento, de empenho, de garra e de alma. Os esforçados guerreiros de ontem deram um exemplo ao país, que parece desanimar quando o cenário está complicado, baixando os braços e atirando as responsabilidades para terceiros. Mostraram que a força de um grupo está na união, no cerrar fileiras para que possa vencer, atravessando dificuldades previstas e imprevistas, contra tudo e contra todos, até os elementos.

Esta é a capa d’A Bola de hoje. O enfoque está numa piada absurda sobre tourada em alusão ao jogo entre o Leiria e o Sporting. Menção ao jogo de Sábado? A bola à trave no livre da Académica e o golo de Varela.

Não sou editor nem redactor, mas se fosse e alguém chegasse perto de mim a dizer: “E a capa vai ser esta.”, mandava-o arrumar as tralhas que têm na mesa dele porque estava despedido. Mas deve ser problema meu.

10 comentários

  1. Jorge,

    passei isso mesmo no meu comentário ao jogo… em tom irónico… "aparecemos na capa do pasquim da queimada"

    O problema não é teu. Só que não tens os requisitos minimos para trabalhar naquele jornal… não és um lampião faccioso…

    Abraço,

    Revolta

  2. E o Porto foi salvo pela trave, claro. E o Sougou deve ter falhado a recarga de propósito a mando do portista Jorge Costa. Deste pasquim imundo já sabemos o que esperar. Deste e do outro que também gosta de se armar em isento e tal. Mas desde que o FCP jogou a final da Liga dos Campeões ou da Uefa, já não sei qual foi, e a Bola trouxe nesse dia o Benfas na primeira página não podemos contar com isenção vinda daquele lado. Enfim, o futebol também é uma escola de virtudes e mostra-nos bem como é este país de gente mesquinha e invejosa que não sabe reconhecer o mérito de quem o tem. Mas isso só nos fortalece ainda mais.

  3. É incrível a desfaçatez com que o fazem. E desculpem lá dizer.. mas venderá mais um título Festa Brava em Leiria do que um jogo do Porto, mesmo que quisessem pôr a tónica da bola na trave??? Incrível mesmo. É para gozar, só pode.
    Alem de que a Académica foi salva pela bola no poste do Moutinho. mas enfim.. é o q temos.

  4. Mas a edição norte tinha outra capa, com a mesma foto de cima e o título em letras garrafais: " Até debaixo de água" e em sub-título "No meio da piscina emergiu Varela".

    Um abraço

  5. Jorge,
    daquele pasquim pouco ou nada se deve esperar.
    Eu, como Sportinguista, até me admiro pela referência ao jogo de Leiria. Pensei que a capa traria algo como a entrevista ao kardec ou a fotografia de um qualquer reforço de Janeiro.
    Mas como o pasquim é deles e são eles que o compram, é melhor não ligar. Eu não lhes dou nem um chavo. Nem ao outro suja-mãos de nome record. Metem nojo.
    E temos sempre tanta internet para ver notícias…
    Para ser trabalhador naquela trampa de jornal é preciso ser lampião… pois de outra forma não trabalhas no ' a águia '.
    E graças a Deus que não sou!
    E creio que o Jorge também partilha desta ideia!

    Saudações desportivas

  6. Bem visto Jorge. Realmente o jornal "A Bola" presta um péssimo serviço aos clubes "Não-Mouros".
    Queria também lamentar os comentários do Jorge Costa, tem-me decepcionado com referências e palavras contra o seu clube do coração. Penso que deve estar solidário com o Baía, mas o que é demais começa a fartar.

  7. E no seguimento deste artigo do Porta 19, o JJ continua a dar calinadas em tudo o que diz.
    Onde andou este senhor de crinas brancas nos últimos anos?
    Em Portugal não deve ter sido.

    Quanto ao artigo em si mesmo, é daquelas coisas que acho que já não escandaliza ninguém.
    Se nem o FC Porto ser Campeão Europeu deu destaque de 1ª página.
    NUNCA gastei um cêntimo ou um centavo em tal coisa. Só compro o O Jogo e mesmo esse dá uma média(+ ou -) de duas vezes por semana.

  8. Eu diria que a capa de hoje continua esta vergonha publica.
    Depois de um jogo estupidamente controlado (alias a falta deste) contra os franceses, onde foram aos olhos de toda a gente "Salvos pelo Gongo!!".
    Esta sim deveria ser capa..e nao "Quase perfeito"…
    Cambada de montes de esterco…

Deixar uma resposta