Ouve lá ó Mister – Marítimo

André, mortal!

Custou estar no Dragão na semana passada, André. Foi muito difícil ver a equipa semi-desagregada na defesa e ineficaz no ataque. Chegou a ser penoso ver o Sereno a tentar não tropeçar e o Emídio a tentar cruzar para alguém de azul-e-branco, tal era a tremideira que tomou de assalto os nossos rapazes.

Este é sem dúvida o jogo mais complicado de Janeiro, tendo em conta os eventos do fim-de-semana que passou. Tens a oportunidade de recuperar os nossos rapazes mas acima de tudo de pegar outra vez na massa cinzenta dos adeptos e moldá-la para a mentalidade triunfadora e não tristonha como se viu esta semana. Estamos todos a pensar em ir ao Dragão para ver um bom jogo, especialmente este, em que queremos ver o teu e nosso FêQuêPê a partir tudo o que lhe aparecer à frente.

Vai chover, vai trovejar e vai ventar imenso. Se calhar não é boa ideia espetares com o Varela e o Fernando a titulares, ainda por cima depois das lesões os rapazes ainda devem estar com algum cagaço de entrar duro (se bem que o Fernando só deve ter medo da morte e dos impostos), mas uma coisa gostava de te pedir, se não fosse muita maçada: se te apanhares a ganhar com algum conforto, deixa entrar o Mariano. O rapaz é bom rapaz, o moço é bom moço e esforça-se sempre tanto, merece um rebuçadinho destes. Já passou as passas de Marrocos para regressar e vais ver que a malta vai-lhe dar uma salva de palmas enorme. Faz lá o favor ao povo.

Sou quem sabes,
Jorge