Guarín by Villas-Boas

“Não é fácil nesta posição vivermos as frustrações individuais de muita gente que quer chegar ao onze inicial e não consegue. É uma coisa que acontece em todas as equipas, há sempre alguém que fica ligeiramente mais triste, uns demonstram-nos de uma forma e outros de outra”

“É muito mais reconfortante saber que se conquista qualquer coisa num ambiente de extrema competição do que baixar o nível para outra equipa, ou para outro campeonato, e ter essa titularidade garantida porque se baixou o nível”

“Baixar de nível é a via fácil para quem quer triunfar na vida, mas quem quer triunfar a valer tem de se manter num ambiente de máxima competitividade e conquistar alguma coisa nesse ambiente.”

“Isso é que tem de alimentar a ambição destes jogadores, sem nunca colocar os objectivos individuais à frente dos colectivos, porque isso não vou permitir. É uma realidade pela qual nós mesmo quando ganhamos sentimos um carinho especial por alguns jogadores e são coisas que nos tocam.”

Villas-Boas em declarações sobre a excelente forma de Guarín e o porquê de não ser titular absoluto

 

Mais uma semana, mais uma conferência de imprensa em que Villas-Boas me cativa. Simples, honesto, justo e correcto. Só falta ser campeão para lhe dar o mérito todo.

1 comentário

  1. Sendo eu consumidor apenas das noticias que nos são dadas pelos telejornais, fico com a percepção que as conferências de imprensa do AVB se resumem a mandar bocas ao SLB (respondendo a bocas que vêm lá do Sul). Sinceramente, este estilo já me cansa. Mas, ao ler o teu post (e outros no passado) fico com uma imagem diferente, concordando em absoluto com o teu comentário. Ou seja, a mesma conferência de imprensa, duas formas de a transmitir para a opinião publica. Lá voltamos ao mesmo, o que interessa neste país é a guerrilha e a polémica, remetendo para o acessório o que realmente deveria interessar, o desporto! Este país começa a cansar…

Deixar uma resposta