Ouve lá ó Mister – Villarreal

André, follador de castellanos!

Começo por te dar os parabéns, mais uma vez. Já deves estar farto de ouvir isto, mas tem sido um orgulho ver o FC Porto a jogar nesta fase da temporada. Tivemos já alguns momentos menos bons, várias primeiras partes fracas, tremideira na defesa e fases de menos produtividade na frente. Mas o que este ano temos visto e sentido é uma equipa que está em campo para ganhar. E, se possível, com muitos golos. Se a malta andasse ali para passar um bocado de tempo fora de casa só para não aturar a mulher, acho que arranjavam melhor coisa para fazer do que andar a correr noventa minutos e ganhar jogo após jogo. Conseguiste em meia-dúzia de meses devolver a equipa aos adeptos, André, e só por isso agradeço-te o jeito.

Depois do jogo de Domingo contra um sucedâneo de tantas equipas do Setúbal que já vi a jogar decentemente no passado, tens mais um daqueles jogos que parecem ganhos, ma non troppo. Os gajos vão entrar com tudo, pá, com aquele Borja e o Cazorla a trocar a bola no meio campo, Nilmar e o Rossi nas diagonais e mais sei lá quem a romper por ali fora como se não houvesse amanhã, até porque no caso deles não há mesmo.

Por isso entra com calma mas com convicção. Estamos a noventa minutos de mais uma final europeia, a 5ª em 24 anos, sem contar com as Supertaças. É para essa cúpula de treinadores mágicos, junto com Morais, Pedroto, Artur Jorge e Mourinho. O próximo chama-se André Villas-Boas. Faz por isso!

Sou quem sabes,
Jorge

5 comentários

  1. Bom dia, Jorge!

    Disseste tudo, a 90 minutos de uma final europeia! Um jogo concentrado “á Porto” e o objectivo será conseguido!

  2. Bom dia,

    Os escrotos encomendaram a notícia de ontem na “Maria” dos jornais espanhóis, tentando denegrir a nossa imagem, e tentar por em causa o mérito do resultado da primeira mão.

    Aliás, são de uma falta de identidade e personalidade tamanha as declarações do treinador espanhol, que aqui reconheceu o nosso mérito na goleada «…Não podemos pensar que com 1-0 estava resolvido. Tivemos oportunidade de fazer o segundo e sofremos o empate. A partir daí viu-se o melhor Porto, com mais mérito deles do que demérito nosso. Com as suas melhores qualidades fizeram cinco golos.»

    «Dominámos na primeira parte, jogámos bem, mas depois aquela jogada do Cazorla que não dá o segundo golo, é chave….A partir daí o Porto empatou e mostrou a sua velocidade, força, competência, o factor físico, os cabeceamentos… Não posso, agora, dizer que é justo ou injusto. Eles conseguiram-no.»

    Agora após a notícia vem inventar lances em que não há razão de queixa passível de análise sequer, que terão prejudicado a sua equipa… É um treinador jovem e caiu na armadilha do ridículo.

    Quanto ao jogo, espera-se um Villarreal com uma entrada forte e agressiva no jogo, para tentar na 1ª. parte marcar o máximo de golos possíveis para relançar a eliminatória. A nós Porto cabe-nos ter lucidez, sangue frio, pois a pressão já começou fora do campo e vai estender-se às bancadas sobre o árbitro. Temos de fazer um jogo de controlo, e temos plenas capacidades para marcar golos fora.

    Villas-Boas, face a estas pressões deverá não arriscar colocando Moutinho em campo, à beira de exclusão por amarelos, embora Moutinho seja um jogador inteligente e emocionalmente equilibrado que não entra em quezílias.
    Acredito na passagem à final e só uma hecatombe nos pode tirar a passagem a Dublin.

    Abraço

    Paulo

    http://pronunciadodragao.blogspot.com

  3. Boas,

    Estamos a um pequeno passo de mais uma final europeia. Com todo o merito, com um futebol do melhor que se tem visto este ano, uma concretização que os numeros falam por si … no entanto mais uma vez nos querem derrubar fora de campo.
    Claro que ja se sabia a importancia que teria uma equipa espanhola na final, mais ainda sendo o principal patrocinador lá da zona, só que estes energumenos não entendem que este tipo de guerrilha só nos torna mais fortes. E por isso agradeço-lhes desde ja.
    Mais uma vez apelo á concentração, á raça e á nossa determinação para irmos lá vencer e mais uma vez convencer.

    Um abraço

    http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.com/

  4. Champions : 87 e 04
    Uefa : 03
    Intercontinental : 87 e 04

    Vamos para a 6a !!!
    Isto sem contar com as supertaças de 87, 03 e 04

    E para ficar completo entao seriam 9 finais em 27 anos:
    Taça das Taças em 84 (ou o Morais nem faz sentido aparecer :))

    Vamos para a 10a !!!

Deixar uma resposta