Ouve lá ó Mister – Académica


Amigo Vítor,

All hail the new leader!!! Aquele jogo na Luz foi do caralho, homem, já não me lembrava de saltar tanto durante um jogo da bola que não estivesse a ver ao vivo, pá. Quero que fiques a saber que me deste talvez a primeira gigantesca alegria de 2012 em termos futebolísticos e nunca mais vou esquecer aquele jogaço. E ganhaste pontos com toda a gente, quando puseste a tomateira em cima do torno e gritaste: “Venham, tragam um martelo dos grandes, força nisso, não tenho medo!”. E não tiveste. E ganhaste. Gaita, Vitor, que grande jogo.

Mas…já sabes que há sempre um mas. Mas…ainda não acabou. Foi bonito, foi glorioso (neste caso talvez uma pitada de glorigozo, soem os pratos da bateria, enfim) mas o caminho a percorrer ainda está pela frente. Nove jogos. E desses nove só precisas de oito vitórias, Vitor, são umas míseras oito vitoriazinhas que tens pela frente para que possamos ir aos Arcos fazer a festa. Olha, e era desta que me estreava em Vila do Conde para ver a bola, uma terra onde se come bem e bebe melhor. Já que não vamos ao Jamor, íamos lá, second best can win this time.

Muito inglês? Ok. Ah ah. Voltando ao jogo de hoje, a Académica já nos tramou este ano. Para a Taça, é certo, mas a sodomização que nos deu em Coimbra ainda me vem à cabeça quando me sento. E hoje à noite, quando me sentar no Dragão, só me quero levantar para gritar golos dos nossos. Mas quero vê-los com força, rapaz. Quero vê-los como os vi na Luz, com aquela fibra, aquela garra e aquela vontade de ganhar que nos faltou nesse mesmo jogo em Coimbra. Força, equipa!

Sou quem sabes,
Jorge

 

APOSTAS PARA HOJE NA DHOZE:

4 comentários

  1. Sem qualquer tipo de menosprezo ou arrogância de pertencer a um clube mais rico, e porque o Jorge falou nos Arcos, tenho a dizer que aquele estádio de veria ser demolido ou remodelado. E porquê? Porque em Portugal o espectador de futebol é tratado como um debil mental onde os bilhetes são carissimos e as condiçÕes de assistir péssimas. Mesmo que façam “gaiolas de conforto”! O estaádio dos Arcos tem umas casas de banho que enojam uma ratazana de esgoto, umas bancadas onde mesmo no Verão se pode apanhar uma pneumonia, entradas para as bancadas mais escuras que os portões de Hades… enfim um estádio sem condições nenhumas para quem quer assistir futebol plebeiamnete…
    Pior que este estádio, só o do Paços de Ferreira que este então nem em Africa deve haver disto!!!!

  2. Bom dia Jorge, o FCP não pode dar 45 minutos de avanço à Briosa, como andou a fazer noutros jogos que não no galinheiro.

    Temos que matar logo o jogo ainda na 1ª parte, porque nós sabemos que num único lance ou remate fortuito do adversário, a coisa pode azedar para o nosso lado, tantas vezes já vimos este filme, e perdem-se pontos irrecuperáveis.

    É isso que espero do FCP logo mais, e sabendo de antemão que o Braga joga mais cedo e os galináceos apenas amanhã, uma vitória hoje já colocava o FCP a 6 pontos do clube dos menstruados lisboanos, e teriam eles que entrar amanhã em Paços com toda a pressão em cima deles.

    Nota artística:
    Deco na 4ª feira não fez um jogo brilhante no La Bombonera, casa do Boca Juniores, só fez 2 jogadas de registo:a assistencia para o 1º golo e o golo da vitória do Fluminense por 1 x 2:-)

    Aos 34 anos, o Mágico continua a espalhar classe nos relvados sulamericanos, e foi eleito o melhor jogador da Libertadores desta semana.
    Para mim como adepto do Flu e do FCP, é como nascer de novo.Deco, meu ídolo no FCP, e agora no Flu.
    Melhor impossível.
    Abraço.

  3. Boa tarde,

    A faltar 9 jornadas para o término do campeonato, e tendo nós alcançado a liderança isolada, teremos que encarar estes 9 jogos como finais.

    Não há espaço para nervosismo, ansiedade e erros grosseiros.
    Se queremos ser campeões temos de Ser Porto, ou seja, encarnar os predicados que fazem deste clube o melhor de Portugal – Espírito Colectivo, Espírito de Rigor, Ambição e Paixão pelo clube.

    Se assim for seremos campeões.

    A Académica é um clube valoroso, histórico, orientado por um excelente treinador e que conta nas suas fileiras com atletas jovens e ambiciosos.

    A tarefa será difícil, mas se formos Porto, venceremos.

    Que o público apoie a equipa, e mantenha a paciência quando as coisas não correm tão bem.

    Não precisamos de ópera, queremos vencer.

    Abraço e bom fim de semana

    Paulo

Deixar uma resposta