Adios, gordito!

Boa sorte, miúdo. Que produzas mais do que fizeste por cá. E vê se perdes uns quilinhos.

PS: Depois da descolombiização, chega a altura do desuruguaiamento. Fica já aqui a aposta que, pela primeira vez desde 2005/2006, o FC Porto não vai ter um único uruguaio no plantel principal de futebol.

Just sayin’.

6 comentários

  1. Já vai atrasado 2 anos.

    Apesar de inicialmente ter depositado esperanças nele,nunca justificou o investimento feito nele,nem sequer o salário que auferia.
    Além do excesso de peso,nunca conseguiu ter uma mentalidade á Porto.

    Por isso já ontem era tarde…

  2. Mas podia ter… Sei lá, tipo um Cavani para a vaga de Ponta de Lança. Just sayin :x

    Bye Rodriguez. Ao contrário do Falcão, parece-me que o atleti é um clube do teu nível.

    Cumprimentos

  3. Peca por tardia esta saída. Mas mesmo assim obrigado e felicidades ao cebola.
    Provavelmente não teremos mesmo nenhum uruguaio, embora não me importasse de ver o Fucile de volta. Quanto a descolombializaçao só espero que não afecte o James e que até consigam aumentar o contigente colombiano com o Jackson.
    Por ultimo, gostava da sua opinião sobre um provável substituto para uma provável saída do Hulk.

    Obrigado e saudações.

  4. Resposta politicamente correcta Jorge! Eu percebo. Vamos esperar que ele fique.
    Mas vai pensando no Taison do metallist.

    Abraço

Deixar uma resposta