Ouve lá ó Mister – Gil Vicente


Amigo Vítor,

Passou-se o fim-de-semana todo e jogo do FC Porto, népias. Não me incomodou tanto quanto isso porque sempre dá um certo gozo começar uma semana de trabalho com um boost de moral na segunda-feira à noite que me dá sempre que jogamos no Dragão. E seja do calendário, dos adiamentos, da SportTV, não quero saber. Há jogo no Dragão e vou lá estar. Eina, viva eu.

Ainda te lembras do jogo da primeira volta? A estreia no campeonato? Aquela exibição disforme, com onze jogadores cuja exibição resultou num, e passo a citar, “jogo frouxo, em que pouco pode servir como desculpa à lentidão, à exasperante falta de opções de passe e à aparente falta de vontade de jogar como antigamente se fazia”? Ainda jogava lá o Givanildo e o Miguel Lopes, vê lá tu como as coisas mudam. Até o James jogava e olha que já nem me recordo de ver o puto em campo, todas as imagens do FC Porto deste ano parece que me trazem o pobre do Defour a esforçar-se como um louco a extremo-direito. Mas hoje tudo pode ser diferente. Os nomes nas camisolas vão ser diferentes, não tenho dúvida, mas o futebol também tem de ser porque a malta começa a ficar um bocado aborrecida com os últimos jogos que temos visto contra este tipo de equipas, para te ser sincero. Queremos todos ver mais alma, mais vivacidade, mais sentido de baliza e menos tabelinhas que não trazem resultados práticos. Aprecio a gestão do jogo, mas quero ver os *nossos* rapazes com a bola, não quero que se repitam espectáculos como o de Setúbal, onde pegamos no jogo pelos cornos, marcamos um golo e depois…uma noite ensonada contra uma equipa fraca. Não quero outra do género, pá, não quero.

Até porque estes gajos não merecem. De Barcelos não sai nada que se aproveite desde o Drulovic.

Sou quem sabes,
Jorge

4 comentários

  1. Bom dia,

    Hoje não podemos facilitar.

    O andor vai em ombros e temos de ser competentes para contra tudo e contra todos vencer.

    Temos de ser guerreiros e ter a paciência necessária para levar de vencida esta boa equipa do Gil Vicente.

    Acredito que se tivermos atitude iremos ganhar.

    Abraço e boa semana

    Paulo

  2. Caríssimos, vivo em Coimbra. Não posso afirmar-me PORTISTA. Falta-me aquilo que genuinamente voces têm, não só geográficamente. Vivem o clube no Estádio, no pavilhão, usam os vossos direitos como sócios.
    Sou adepto? Absolutamente!
    Visto a camisola no “confronto” com os adversários.
    Mas, não tenho a minha voz nos sítios certos…
    Por isso vos peço: Acreditem na força do clube Futebol Clube do Porto.
    Uma força de união, carácter e vontade.
    Não qualquer força bruta e esmagadora sobre todos os que dignamente partilham uma qualquer actividade desportiva.
    Existe orgulho mas não preconceito.
    Onde se deseja e proclama a vitória, reconhece-se que alguém foi derrotado.
    Nunca porque os derrotados são “gente” inferior, mas porque no confronto o FCPorto conseguiu ser melhor. Dentro do espaço – das quatro linhas!
    E no fim respeita os adversários vencidos.
    Todos?? Tem sido assim, mas TEM DE ACABAR !
    Cada vez aumenta mais em mim o sentimento que tanto desprezo: REVOLTA
    Não admito violência, nem suportaria qualquer adepto do clube FUTEBOL CLUBE DO PORTO muito menos alguns evidentemente identificados como responsáveis fazê-lo.
    Não esqueço os maus exemplos do nosso adversário SLB. E por isso são maus exemplos que felizmente não colhem frutos nestas bandas.
    Mas porque razão esses exemplos vêm na sua quase totalidade só de um adversário?
    A minha resposta simples: Muito raramente têm conseguido ser melhores, sobretudo têm dentro tamanha basófia e preconceito.

    Ontem, perdi (ganhei porque (re)conheci a maldade) muitos minutos a ver e gravar os programas de comentadores do futebol.
    Senti-me mal, como verdadeiro adepto do Futebol Clube do Porto, em ver e ouvir esse gordo João Gobern destilar tanta perfídia e mentira. Mais ainda porque o Miguel Guedes não conseguiu estar á altura de vestir a NOSSA camisola. À muito que não lhes ligava. Acerca do Miguel e quando ele substituiu o Rui Moreira via nele pessoa capaz de retorquir com esclarecimento e objectividade. Para mim poderia estar ali alguém capaz de desmascarar as mentiras e enaltecer as verdades.

    Mas não era só nesse.
    Num tempo que é Extra (pudera, uma estação reservar um monólogo durante tantos minutos a esse Rui Santos, tem de ser mesmo EXTRA longo…) foi mais do mesmo.

    E o tema até à exaustão era a despromoção da Taça da Liga. Pedro Proença e o jogo em Setubal!!!
    Que enorme chorrilho de pouca vergonha!

    Isto não é mais do aquilo que o caro Vila Pouca (nunca soube se este é o seu nome, mas também não importa) tem vindo a dar espaço e destaque aqui nesta página. E muitos outros PORTISTAS o fazem.
    Mas tem que ser feito ainda mais!

    Renovo o meu pedido.
    Usem tudo aquilo que está ao vosso alcance para desmascarar estes abutres indignos.
    Apoiem o CLUBE e ajudem-no a conseguir mais esta vitória.
    Chamem-me a escrever a minha REVOLTA, gritem no Estádio, exibam mensagens no Estádio, exigam a quem está próximo do Clube que responda.
    Não um comentário on-line na página oficial ou no facebook.
    Apelem à nossa SAD.
    Declarações sustentadas na comunicação social.
    E depois que se sacrifiquem com sentido e rigor na busca das condições ideais para a equipa de futebol conseguir a vitória NESTE campeonato!

    Repito alumas palavras do NOSSO treinador:

    “Às vezes leio críticas em que baixamos de qualidade, de ritmo, mas é preciso analisar correctamente as situações…”
    “Satisfeitíssimo, vejo a equipa a vir de um período em que teve de lidar com muitas condicionantes e foi ganhando jogos com personalidade, com qualidade, com carácter e aqui estamos na frente do campeonato e à espera de elevarmos a qualidade, de continuarmos agressivos, de continuarmos concentrados e de chegarmos no fim em primeiro lugar, que é esse o grande objectivo da época.”

    Luis Manuel (Coimbra)

    Jorge, deixei este comentário no Vila Pouca, e tentarei noutros PORTISTAS.
    Estou imensamente REVOLTADO.
    Acho que definitivamente perdi o respeito desportivo, embora o(s) clube(s) adversários enquanto instituição mo exigem. Mas esta gente!!! Pouca vergonha !!!

    Hoje tem de ser o primeiro dia do resto do nosso campeonato.

    Saudações

  3. Hoje temos um jogo que vai dar inicio à segunda volta do campeonato, espero uma vitória clara da nossa equipa frente ao gil vicente, mas será uma equipa a jogar na defensiva como já o seu próprio treinador disse ser difícil ganhar pontos no dragão. Será uma equipa fechada, procurando espaços que possam surgir por isso é importante marcar cedo, mostrar uma atitude atacante e responsável e sairemos desta jornada novamente na liderança da liga.

    http://dragaocomrazao.blogspot.pt/2013/01/fc-porto-vs-gil-vicente-comecar-segunda.html

  4. Boas Jorge,

    O jogo de hoje não será facil, porque o Gil é uma equipa combativa e que luta 90 minutos, por isso só um Porto concentrado e trabalhador tem que aparecer em campo para conquistarmos mais 3 pontos.
    Apesar da ausencia de James os “novos” reforços Izmaylov e Liedson são uma mais valia e dão alternativas de qualidade a Vitor Pereira no banco.
    Posto isto espero mais uma vitoria, para continuarmos na luta pelo titulo.

    Um abraço

    http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.pt/

Deixar uma resposta