Schadenfreude

É incontrolável e avassalador. Acontece-me sempre que vejo a expressão de permanente terror na face de João Pereira, como se tivesse acabado de ver o Psycho e lhe limpassem o cérebro a seguir, só para o obrigarem a ver de novo. Over and over and over again. Uma parte de mim, uma enorme e maioritária parte de mim, fica feliz quando João Pereira falha. Torço como um louco para que faça um penalty desnecessário, que tropece sozinho sem a bola perto, que dê uma Zidanada num adversário ou que, como ontem, tente atrasar a bola para o guarda-redes (na direcção da baliza, mind you) e falhe com um estrondo de doze Torres dos Clérigos a tombar em cima de uma montanha de porcelana. Um sorriso espalha-se pela minha cara e solto uma sonora gargalhada. E dá-me uma vontade enorme de telefonar a amigos, familiares, próximos ou distantes, e gritar: “Vocês viram o que aquele imbecil fez? Mil rinocerontes paneleiros me fodam se não vou gravar aquilo e pôr à entrada de casa por cima do móvel para que as pessoas se sintam bem ao entrar e ver aquela parvoíce!”. É uma anedota, este rapaz.

E se não fosse titular indiscutível da selecção nacional de futebol, ainda tinha mais piada.

PS: Quanto ao jogo, remeto a análise para os comentários do Miguel, no Em Jogo. Directo e inteligente, como é hábito.

9 comentários

  1. Boas Jorge,

    Concordo ctg, não sei como é que é possivel este gajo jogar na selecção… prefiro um Bosingwa perneta a este gajo!

    Mas isto abre a discussão do futuro (?) da nossa selecção. Com a debanda de jogadores portugueses para equipas de que nunca se ouviu falar nos mas estranhos campeonatos e a falta de aposta dos grandes em jogadores nacionais, em breve voltaremos a ser uma selecção pequena e mediocre. Faltam laterais, pontas de lança, etc e o Ronaldo fez 28 anos… enfim, fica para outras discussões :)

    Ah, a segunda melhor da noite foi o Moutinho a lateral direito… É bem Paulo Bento!!!!

    Abraço,
    João

  2. Caro Jorge,

    Muito bom o artigo do Miguel.
    O que ele não sabia mas disse-o ontem o risca ao meio( não sei o que vai achar destas declarações o Jorge Mendes) é que o Ronaldo não aguenta jogar às 4ªs e aos fins de semana, mas que o Moutinho que não é do Jorge Mendes aguenta na maior e com a intensidade que tem jogado, sim senhor o risca ao meio!
    Com estas declarações acabou de declarar que MESSI é muito melhor que o Ronaldo pois o MESSI joga os jogos todos e mais houvesse esta é diferença, é só mais um motivo para provar quem é melhor, MELHOR NÃO MUITO MELHOR. 100 000 vezes MESSI não aos paneleiros armados em vedetas!
    O FCP tem de fazer como faz o 5LB fingir lesões para que não vão à selecção(Cardoso)
    Ontem no fim do jogo se fosse o Moutinho tinha perguntado ao risca ao meio o porquê de jogar os 90 m quando por exemplo o Nani pede para sair, etc …

    Abraço

    T

  3. Boa tarde,
    Quase que perdia esse momento anedótico pois preferi ver o Sargentão a perder (gramei) e o espetecular jogo França – Alemanha, para esses não existem jogos particulares se acomunada imprensa macrocéfala tivesse vergonha e não andasse a lamber as botas ao Jorge Mendes e seus muchachos há muito que tinha tirado as peneiras ao CR7 e PB.
    Enfim como cada vez há menos jogadores do FCP para culpabilizarem, lá vem a ladainha de sempre são jogos particulares … os jogadores têm jogos importantes nos seus clubes… blá, blá.. Só que se esquecem de comparar por exemplo como jogaram os colegas do CR7 no jogo da Alemanha se calhar estiveram a poupar-se nos jogos do RM para jogarem na sua seleção.
    Enfim, é por isso que cada vez ligo menos à equipa de PB e Jorge Mendes.

Deixar uma resposta