Ouve lá ó Mister – Rio Ave


Amigo Vítor,

Deve haver qualquer tipo de interferência cósmica que me tem vindo a impedir a visualização em directo de jogos do meu clube. Já aconteceu no sábado, onde um casamento, uma animada festa de família com uma das minhas pessoas preferidas neste mundo a dar o nó com uma miúda que, devo admitir, lhe chega bem acima dos calcanhares, fez com que não visse a partida de Coimbra. E hoje, o clube decide satisfazer os desejos de tantos adeptos que imploraram a todos os santos azuis-e-brancos para termos jogos à tarde…e escolhe uma merda duma quarta-feira para saciar a sede do povo por um bocadinho de sol nas beiças enquanto vê o FC Porto a jogar à bola. Até compreendo que há muita malta desempregada, mas os que ainda têm um emprego não vão ver a vida facilitada sequer para VER O JOGO NA TELEVISÃO, QUANTO MAIS AO VIVO!!! SIM, ESTOU A BERRAR PORQUE ESTE FILHO DA PUTA DE HORÁRIO NÃO LEMBRA ÀS HEMORRÓIDAS DE SATANÁS!

Por isso não vou ver o jogo em directo. Bela tarde que se me apresenta, já viste? Enfim. Ah, quanto ao jogo, quatro coisas: põe o Liedson em campo nem que seja por meia dúzia de minutos; dá uma chance ao Sebá para ver se vale mesmo a pena largar um milhão de contos pela carcaça dele; deixa o Lucho descansar uns minutos e aproveita a moral do Castro que deve estar mais alta que o Monte Crasto (ele sabe o que é, acredita); e ganha o jogo para irmos a mais uma final. Já que chegámos a este ponto, não faz mal chegar um bocadinho mais longe, não é verdade?

É o costume. Se ganhas, ninguém vai ligar pêva. Se perderes, cai a Trindade, o Carmo e qualquer outra igreja que te lembres. Os Congregados, pronto.

Sou quem sabes,
Jorge

3 comentários

  1. Jorge, todos os dias visito o Porta19 por causa da tua maneira diferente, descontraída e divertida de ver o futebol. Mas hoje esta parte… just made my day…

    “uma das minhas pessoas preferidas neste mundo a dar o nó com uma miúda que, devo admitir, lhe chega bem acima dos calcanhares”

    Um grande abraço (e que ganhe o Porto, óbvio)

  2. Bom dia,

    Independentemente da rotação do plantel, temos por obrigação lutar por um lugar na final.

    Esta é uma competição que nunca vencemos, e é mais uma oportunidade para lograr conquista-la.

    Abraço e boa semana

    Paulo

Deixar uma resposta