Prefiro ver um Quaresma ao murro que dez Danilos de braços caídos

Porque anteriormente tinha dito isto. E mesmo que o rapaz seja suspenso mantenho o que digo no título e o que disse naquele post de há três anos, com as devidas alterações ao jogador, clube e cabelo. Não mudei assim tanto.

15 comentários

  1. Eu prefiro ver o Danilo depois do William empatar no Dragão, pegar na bola e ir por ali fora marcar um golaço para o 2-1.
    Há estatutos no Porto que não se percebem.

    Eu prefiro não ver jogador nenhum ao murro, tenho orgulho em termos podido dizer isso durante 3 épocas. Que tínhamos o plantel mais disciplinado da liga. Bons tempos…

    1. Caro DC o que tem contra o Quaresma? Não há blogue por onde passe em que não o veja a maltratar o nome do rapaz… ( !)

      – Já me parece ser qualquer coisa do género do Garrido que sempre que arbitrava o Porto não sossegava enquanto não mostrava um vermelho ao Quaresma e agora até vê que não foi penalty na madeira… – mais, foram dois penalties pois o do cartão amarelo foi penalty como as imagens mostram .
      Quaresma lutou, veio buscar jogo, estafou-se! Perdeu bolas , ganhou bolas… mas era muito melhor provavelmente que tivesse jogado o Varela ou o Licá…
      Os ódios de estimação não são bons conselheiros; fazem-nos sempre tentar ver o que não existe e nem sequer olhar para o que se vê…

      1. A única coisa que tenho contra o Quaresma é o facto dele fazer mais mal que bem ao Porto, nada mais. Não tenho ódio ao Quaresma, tenho ódio a jogadores prejudiciais ao clube e o Quaresma, para mim, é um deles. Tenho o mesmo “ódio” que tinha ao Paulo Fonseca, quando percebi que estava a levar o clube para um mau caminho.
        E com Quaresma, o Porto nunca será colectivamente forte. E sem ser colectivamente forte nunca será campeão contra o 5LB de JJ. Tão simples quanto isso.

        Podem chamar-me o que quiserem, tal como chamaram quando ainda em Outubro comecei a criticar PF, mas o meu intuito é apenas e só que o nosso clube vença.

        P.S. Vejo muitos outros “ódios de estimação” a gente como Varela, Defour ou Danilo mas isso parece incomodar pouco a maioria dos portistas.

  2. Bom dia a todos.

    Temos que manter a postura,… somos o F.C.Porto!

    Vamos arrumar a casa, selecionar o que interessa e deitar fora o que não interessa, e continuar a ganhar.

    Saudações Portistas

  3. Preferes ver um criminoso a roubar do que a passar fome?
    Preferes ver o teu filho a infrigir as leis do que seguir aquelas com que não concorda?
    Os fins justificam os meios?
    Gostas de ter um país de criminosos?

    1. todos os fins justificam os meios, desde que os meios sejam passíveis de análise coerente e adequada. Quaresma não matou, não roubou, não cuspiu na Virgem. estava chateado depois de um jogo mau em que não conseguiu o que pretendia. é assim tão mau mostrar frustração no seguimento de uma exibição fraca? sim, até daquela maneira? não vejo porque não.

      as comparações começam e acabam com o ónus do critério que queremos aplicar. o meu, é aquele que está no post. o teu, é o que está no comentário. na minha opinião, sinceramente, o meu é mais válido.

      um abraço,
      Jorge

    2. Oh Joao, mas saimos agora do pré-escolar ou andamos acomer cornetos com a testa?

      Nos ultimos 10 anos tivemos demonstracoes de agressividade bem mais sérias e graves do futebol portugues, tanto a nivel de seleccoes como de clubes, envolvendo treinadores, jogadores, selecionadores, roupeiros, etc.
      Felizmente a Liga teve o discernimento necessário de nao encontrar para castigo, ao menos nem toda a gente anda a dormir.

      Em relacao as tuas perguntas, digo-te sinceramente, prefiro um país deste tipo de criminosos do que tapados, alarmistas e condescentes de vão-de-escada como tu.

    3. eu ia escrever que o João apanhou muito solinho por estar tanto tempo sentado no telhado, mas não irei por aí.
      partindo do princípio de que não será portista e muito menos adepto do spórtém, deixo-lhe esta imagem aqui. data de Maio de 2011 – portanto ainda pode ser considerada recente, pois que não é a preto-e-branco nem é do século passado.
      e, daqui, lanço-lhe a pergunta e sem querer desculpabilizar a atitude do Quaresma: afirmou o mesmo aquando daquele incidente na Pedreira de Braga?
      cumprimentos e não se esqueça de levar um bonezito quando for para o telhado «ver os bións»

      1. não sei se o João não é portista, afinal não vi nada de acusatório a não ser do ponto de vista da percepção de um acto que tanto podia ter sido de um jogador do FC Porto como de qualquer outro. não tomemos a parte pelo todo :) e opiniões cada qual tem a sua, seja de que cor lhe quisermos “rotular”…

        abraço,
        Jorge

  4. Para ti, todos os fins justificam os meios pois todos os meios são passíveis de análise coerente e adequada. Já sei, gostas de um país de criminosos.

    Preferem um país de criminosos do que tapados? Já sei, preferem o Zimbawe ou a Coreia do Norte. Mudem-se para lá.

    Quanto à imagem não sei o que ela tem a ver com o assunto discutido, mas será que todos os crimes têm justificação apenas porque houve muita gente no passado que cometeu crimes iguais e alguns deles ficaram sem castigo? Pela mesma ordem de ideias ninguém era condenado nem culpado.
    Era o salve-se quem puder!
    Mas que tipo de sociedade defendem?

    1. e então o que sugeres? que se castigue o rapaz? muito bem, que se castigue. ficarias mais satisfeito, mais aprazado com a celeridade e punho de ferro da fria mão da senhora da balança? presumo que não há espaço para pedagogias nem tão pouco para traçares um perfil psicológico. é Talião, puro, duro, limpo. ah, pobre Valjean.

      aceito. mas não concordo.

      cumps,
      Jorge

    2. @ João do Telhado

      «Quanto à imagem não sei o que ela tem a ver com o assunto discutido»

      mas é que tem tudo a ver. foi um excesso cometido pelo fábio coentrão, aquando da eliminação do 5lb, em Maio de 2011, na Pedreira de Braga, nas meias-finais da Liga Europa.
      foi um excesso como tantos outros, no qual o do Quaresma é só mais um.
      e continuo à espera de uma resposta sua à minha pergunta inicial («afirmou o mesmo aquando daquele incidente na Pedreira de Braga?»). sem subterfúgios, muito directa e sem considerandos que não interessam para o assunto em discussão.

  5. Eu prefiro ver o Quaresma no banco e jogadores que deem prioridade a equipa no campo. A reaccao do Quaresma, se bem que se compreenda se tiver sido alvo de insultos racistas, nao me agrada nao so por se uma forma pouco civilizada de reagir a insultos que dao uma ma imagem do clube mas tambem por resultarem da atitude altamente egocentrica do Quaresma. Ele joga como quer, defende como quer e reage como que grande relevancia nas suas decisoes.

Deixar uma resposta