Ouve lá ó Mister – Liverpool

Camarada Sérgio,

Ora então seja muito bem vindo de volta ao troféu que todos gostaríamos de voltar a conquistar! Não estou com isto a colocar já o pé na linha de arranque, pronto para zarpar a caminho de Kiev (Kyiv, Kyev, Kiyev, decidam lá a forma de dizer isto antes que o meu rebranding pessoal comece a chamar aquilo “cidade onde o Chanov mamou um do Celso e outro do Gomes”) e conquistar tudo o que nos apareça pela frente, atenção. Mas que estamos nos dezasseis melhores, lá disso ninguém tenha dúvidas, portanto há que começar a trabalhar para chegar aos oito melhores e por aí fora.

O Liverpool não mete medo a ninguém. Pá, desculpa mas não mete. E até podemos sair da eliminatória vergadíssimos a um resultado gordo ou até frustrados pela eliminação tangencial, mas também podemos fazer o mesmo aos gajos! Podemos, pois! Tenho confiança em ti, tenho confiança nos teus rapazes e tenho acima de tudo confiança que vão estar em campo com a mesma mentalidade e querer que têm vindo a mostrar até agora. E não tenho motivo nenhum para não pensar que hoje aí por volta das 21h30 vou estar a sair do Dragão com um sorriso enorme e a pensar: “arre, que não esperava isto! ganda vitória!”.

Oupa. Quando mais não seja…são vermelhos, pá!

Sou quem sabes,
Jorge

1 comentário

  1. Bom dia JB,
    Hoje é um daqueles confrontos em que não vou estar preocupado com o tipo do apito. Vai ser futebol pelo futebol ou, parafraseando o execrável cientista da bola que, provavelmente, irá comentar na SportTV as virtudes do Liverpool e os defeitos do nosso FCPorto, vai ser ‘futebol em estado puro’.
    Tenho um não sei quê de expectativa que os muchachos do Klopp nem vão perceber o que lhes cairá em cima entre as 19:45 e as 21:30.
    1 abç e viva o FCPorto.
    Luís Oliveira
    PS: Estamos, pelo menos, nos 15 melhores da Europa. Aquilo do Basel é para mamar lampiões.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.