Ceguetas!

Um minuto e 19 segundos de video. Penalty sobre Hulk que era visível desde o centro de estágio no Olival.

Só uma pergunta: havia uma triangulação quase perfeita entre árbitro principal, árbitro auxiliar e árbitro de baliza. Nenhum deles viu a falta?

Esta treta dos cinco árbitros de campo na Europa League é mais uma aberração. Se pusessem cinco estátuas da ilha da Páscoa, o efeito era o mesmo. E ao menos um gajo ria-se a comparar os focinhos com o Cantona.

Ao pé deste o Nuno Luz é o Stephen Hawking


FC Porto 2-0 Rapid Wien

Simão | MySpace Video

Ouçam lá bem o José Augusto Marques aos 10 segundos…

A sério? Mesmo? Gaitán? Gaitán?!?!!?

Ao menos que pedisse desculpa pelo engano…é que se tivesse dito o nome de outro jogador que não do nosso rival mais directo, mas GAITÁN!?

Um pouco antes, já tínhamos ouvido a pérola de Nuno Luz: “Não se admirem se esta equipa jogar de verde em Viena. É estranho para um português ver uma equipa que joga de vermelho e o segundo equipamento é verde”.

Assim como a nossa Selecção, não é, Nuno? Se a estupidez fosse mel tu já tinhas sido violado por ursos.

Foda-se, que burros.

Emplastro 2.0

Um pequeno desvio do mundo azul-e-branco para dizer que a próxima versão daquele rapaz que se põe atrás das câmaras (e que um dia destes vai levar no focinho de um jornalista qualquer) já está na net.

É porco. É indecente. É degradante.

É genial.

Compostagem

FC Porto vai receber o prémio de maior feito não desportivo do ano, anunciou hoje, em Genebra, a Associação Europeia de Clubes (ECA), durante a sua assembleia-geral.

Segundo fonte do FC Porto, o prémio está relacionado com a candidatura apresentada pelo clube no âmbito das boas práticas ambientais implementadas no Estádio do Dragão e que estão materializadas nos certificados de qualidade e ambiente que o recinto “azul e branco” ostenta.

A ECA é uma associação que congrega mais de uma centena de clubes europeus e que sucedeu, em Fevereiro de 2008, ao G14, grupo dos clubes mais fortes da Europa.

in SAPO Desporto

Parabéns à malta que trata destes assuntos. Eu faço o possível, mas como não compro pipocas e só ocasionalmente uma garrafa copo de água, aproveito para o pôr direitinho no caixote amarelo.

Fica um conselho: se acrescentássemos às boas práticas ambientais do Estádio do Dragão a composição de algumas das equipas que de 15 em 15 dias lá aparecem para jogar contra a nossa equipa, podíamos fazer ainda mais para salvar o ambiente. Só em estrume sacavam-se umas centenas de quilos.