A parte pelo todo

Ponto mais positivo da entrevista de ontem a Pinto da Costa? Vamos ter um museu!

O resto foi mais do mesmo, como era expectável, até pelo castigo que PdC ainda está a cumprir e que o impede de proferir declarações sobre o campeonato em si…e que creio ter sido furado. Enquanto ia ouvindo o nosso presidente a fazer exactamente aquilo que na minha opinião não deveria ser feito, fiquei com a impressão clara que a entrevista, não tendo corrido mal até porque Judite de Sousa não foi propriamente agressiva na maior parte das pergunta, mas não serviu para levantar a moral à nação Portista como outras entrevistas no passado tinham servido (lembro-me de uma a Margarida Marante e Miguel Sousa Tavares que até me deu novas forças para encarar o mundo).

Ao mesmo tempo que zurzia no CD da Liga, PdC optou pela defesa do grupo (bem) e do treinador (igualmente bem), mas como de costume atirou as culpas para adversários externos, coerentemente seguindo a política que tem vindo a ser alinhavada desde que os túneis se transformaram em tudo o que há de mais importante no futebol, esquecendo-se o que de facto se joga dentro das quatro linhas, e que é mau. Tudo o resto é folclore.

PS: só hoje de manhã é que tive oportunidade de ver a entrevista a Ricardo Costa e nada na sua postura me surpreendeu. Muito menos a inenarrável arrogância.

3 comentários

  1. Os 6 milhões ontem estavam todos a nanar, ou então resolveram dar ouvidos a alguém inteligente e que pensa por ele.

    reinododragao.blogspot.com

  2. Ontem foi uma noite desportiva diferente. Diferente porque não houve futebol, em que o meu Benfica tem ganho, mas houve voz activa de 2 presidentes e um reponsável pelo CD da Liga. Começo pelo PC: está acabado! A entrevista roçou o ridículo, onde em 45 minutos aconteceu de tudo, desde entrevistado e entrevistadora à procura de óculos para ver um recorte de jornal, PC a dizer que Falcão é internacional Paraguaio! Desviou-se com conivência da Judite de todas as questões pertinentes e passou o tempo todo a atacar o Benfica. E mentiu sobre H. Loureiro e Ricardo Costa! Caros Portistas, para bem do Vosso clube tá na hora da mudança. Mas ele não sai, porque se sai, pode acontecer-lhe o mesmo que V e Azevedo assim que deixou de ter o escudo do futebol a defendê-lo… LF Vieira apenas falou do Benfica, passado, presente e futuro. Fiquei tranquilo quanto às finanças e acredito que o futuro será risonho. Ricardo Costa: foi uma agradável surpresa! Jorge, o que chamas arrogância, eu chamo confiança, atitude e especialmente transparência! Ele explicou todo o processo de forma clara e inequívoca, incluindo o ridículo apito vermelho. E tem toda a razão quando diz que há muita gente no futebol que não quer transparência… muito interessante a noite de ontem, em que me parece que os adeptos do FCP têm razões objectivas para estarem preocupados… abraço!

  3. Compreendo que o anónimo seja benfiquista é claramente um iletrado. Confunde falcão com André Pereira, não sabe o que são óculos, o Jorge Nuno tira-os para ler, enfim um intoxicado, intoxicador. Está na linha do presidente do clube dele e na época do clube dele, a justiça é o que o presidente do conselho diz, viva a PIDE DGSe o Estado Novo. Tribunais para quê?
    Infelizmente estamos a voltar a esses tempos demasiado rapidamente.

Deixar uma resposta