Ler entrevistas a empresários? Prefiro filmar o Nuno Luz a fazer o amor.

“O interesse da Roma existe. Esperamos agora que se manifestem oficialmente, para conhecermos também a posição do FC Porto”
“Há uma cláusula de 30 milhões de euros, mas se o interesse for concreto o jogador poderá sair por um montante inferior”

Marcelo Ferreira, empresário de Guarín, ao DN

“Acredito que, pouco a pouco, ele vai mostrar o quão útil pode ser. O mais importante é ele ter equilíbrio emocional. Nesta altura isso existe. O Walter até mudou de casa para poder prestar os melhores cuidados à filha. Tem sido ajudado por todos no F.C. Porto”
“O Walter tem um potencial enorme. Estava a subir de rendimento e confiança, tudo parecia estar a melhorar para ele e depois aconteceu esse problema com a sua menina. Finalmente tudo está bem e ele está novamente de cabeça limpa”

Teodoro Fonseca, empresário de Walter, ao MaisFutebol

“É uma decisão natural da equipa técnica e do departamento médico. Depois de uma conversa optaram por fazer o atleta descansar”
“Pior estava ele, e muito, contra o Shakhtar Donetsk. Ele nessa altura nem dormia com as dores provocadas pela entorse no pé direito. A lesão não é preocupante e o Hulk até já se sente quase recuperado. Mas temos de respeitar, pois há jogos muito importantes pela frente.”

Teodoro Fonseca, empresário de Hulk (sim, o mesmo do Walter), ao MaisFutebol

“Rolando tem o objectivo de jogar na Série A, a Juventus e a Roma querem-no, mas têm de chegar a um acordo com o F.C. Porto”
“Inter? O único clube italiano interessado no Rolando é a Juventus. Ele jogou muito bem na final da Liga Europa, mas ainda não há novidades quanto ao futuro. Está avaliado em cerca de 15 milhões de euros”
“Se a Juve está na “pole position”? Sim, decididamente. Se ele sai apenas por 20 milhões de Euros? Talvez por um pouco menos, digamos 15 milhões”

Peppino Tirri, empresário de Rolando, à RR

“O Álvaro Pereira é um excelente profissional e vai continuar a demonstrá-lo – tal e qual como nas duas épocas que leva já ao serviço do FC Porto. Ele vai sempre deixar tudo em campo pela camisola do FC Porto. Por isso adeptos podem estar tranquilos”
“Ele está motivado até porque sabe que tem pela frente um ano importante com muitos títulos para atacar. Há o campeonato para revalidar, a possibilidade de jogar a Liga dos Campeões e ainda o arranque para a fase de apuramento para o Mundial 2012. Ele quer iniciar este ano exibindo o mesmo nível das últimas duas temporadas”

Alejandro Savich, empresário de Álvaro Pereira, ao Sapo Desporto

A imprensa actual está tão sequiosa de notícias bombásticas e de declarações que possam servir para abanar a estrutura de um clube e de uma equipa, que decidiu começar a dar voz a empresários. Os homens (ou mulheres, poucas mas existentes) que gerem a vida dos seus clientes com a ganância de um Gordon Gekko a anfetaminas agora podem contar com os amigos nas redacções dos jornais para servirem como altifalantes mediáticos, com comentários que são tão agressivos como um remate do Hulk e venenosos como um Gom Jabbar.

Compreendo a acção da imprensa. Afinal é complicado arranjar coisas para dizer quando o talento não abunda. O que me custa é ver muitos Portistas a aceitarem este tipo de declarações como frases saídas da boca dos jogadores, como se a homilia que sai da bocarra sempre aberta deste fulanos fosse limpa de qualquer extra interesse e não orientada para criar a entropia da lama onde gostam de viver.

Por isso fica o apelo: quando lerem frases de empresários, descartem-nas como um par de boxers com selo. Ouçam antes génios da retórica como o Pragal Colaço ou o Oliveira e Costa. Ao menos já sabem que o lixo é autêntico e não mascarado de profissionalismo.

 

PS: O curto artigo do Reflexão Portista serviu para despoletar a publicação de um artigo que já cá tinha pensado e semi-escrito, com o mérito de se terem antecipado mais uma vez. Malditos!

 

 

 

 

 

 

5 comentários

  1. Caro Jorge,

    Fazendo referência ao artigo dos aniversários, reparei que colocou o Ricardo Silva mas esqueceu-se do Ricardo Quaresma. Já que estamos aqui todos (nos blogs) também para nos ajudar-os uns aos outros, aqui fica a minha informação :)

    Cumprimentos,
    Nuno Oliveira

  2. Gostei da ilustração; bem a propósito.
    Só um reparo; a imprensa não resolveu lembrar-se dos empresários…ao contrário, os empresários é que resolveram ajudar a combater a crise…
    – gostava era de saber quais são os recuerdos…

    (Não sei porquê lembrei-me dos Procol Harum …
    “Tried to keep it confidential
    But the news is leaking out
    Got a souvenir in london
    There’s a lot of it about ”
    “Got to show it to my doctor
    ‘cause it isn’t going to shrink
    Want to keep it confidential
    But the truth is leaking out”…)

  3. Assim de repente lembro-me de outra figurinha de nome Djair Cunha, pai e empresário do Diego, quem não se recorda das estupendas declarações desta abécula quando o seu filho passou pelo FC Porto.

Deixar uma resposta