Pasillo ao Benfica?

Algo me diz que seria impraticável, impensável e impossível.

Mas seria acima de tudo digno de um clube que também saberia admitir a derrota quando pouco ou nada fez para merecer a vitória. Não me venham para cá com túneis e apitos vermelhos e noitadas em bares de alterne. Ganharam o campeonato e mereciam que os jogadores do FC Porto fizessem um pasillo no início do último jogo da Liga.

E depois espetávamos-lhes três na pá. Era uma boa maneira, talvez a única, de salvar alguma da dignidade que ainda temos.

24 comentários

  1. Impossível quando do outro lado nos lembramos que nunca nos deram parabéns e reconheceram mérito.
    Fair play é muito bonito mas não sejamos anjinhos.
    Ou não lês e ouves tudo o que vem daqueles lados?
    Interessa é não apagar as luzes e não ligar os aspersores

  2. Já tinha feito exactamente o mesmo comentário e desabafo com amigos meus portistas, e com lugar anual (tal como eu). Era tremendo. Infelizmente não acredito que algum dia semelhante possa acontecer.
    Como ex, mais dois casos:
    1) Empréstimo de dinheiro do B. Munique ao rival Dortmund há uns anos atrás, evitando a insolvência. Digno!
    2) A partida breve do Lewandowski do Dortmund para o rival B. Munique. Último jogo do campeonato pelo BVB (ainda vai disputar a taça contra a futura equipa) com uma homenagem arrepiante da parte dos adeptos BVB, mesmo sabendo que vai partir para o BM. Digno!

  3. Meu caro Jorge (permita-me que lhe trate assim),

    Nem passillos, nem meios passillos. Sempre que ganhamos um campeonato, vejo capas na Bola e no Record dizendo que não merecemos, que foi roubado, que ganhamos pela fruta. Vejo dirigentes vermelhos a menosprezarem o nosso clube, sempre no bota’abaixo.

    O único passillo que concordaria que fosse feito, seria os nossos jogadores fazerem um corredor ligeiramente mais apertado que o da foto, e depois distribuir uma série de calduços nos moços de vermelho.

    Fulanos que não sabem perder e muito menos ganhar, não merecem mais que isso.

    Um abraço,
    Dragão de Sesimbra

  4. impossível, infelizmente…..no Dragão, na Luz, em Alvalade….

    em Portugal não há cultura de desporto nem de futebol, há de clube e isso reflecte-se…

    M.

  5. Nunca!
    Era o que faltava… É preciso ir buscar as capas da bolha com o lfv ou o porco do joao gabriel a dizer que somos campeões por causa dos árbitros?

    Querem o regresso do Porto submisso e bem comportado que não ganhava nada?

    Faça-se o jogo normalmente, sem aspersores ligados ou luzes apagadas, sem violência mas tudo profissional…

  6. Seria muito digno. E a imagem apresentada é muito bem escolhida.
    Porque o Barcelona também sofreu todos os ataques da imprensa que o Porto sofre, porque ainda esta época as denúncias à FIFA pelo caso Neymar e das camadas jovens tem origem em Madrid, porque o rumor de doping teve origem em Madrid, etc…
    Mas mesmo assim o Barcelona mantém-se digno na vitória e na derrota. Tal como nós, esta época, temos sabido perder sem inventar desculpas nem arranjar confusões. Vamos a ver se mantemos o bom nível neste último jogo. Também é disso que se faz um grande clube.

    1. O Barça quando foi eliminado nas meias finais da Champions contra o autocarro do Mourinho pelo Inter ligaram a rega…

      Quanto ao passalillo: parafraseando o Peter Griffin “NO FREAKIN’ WAY”.

  7. Eu até sugeria ao bom jeito estudantil, que colocássemos as nossas camisolas no chão no pasillo como se do traje acadêmico se tratasse para tornar ainda mais bela a homenagem!
    Tenhamos juízo, antes quebrar do que torcer!
    God79

  8. Para merecer essa forma de fair-play seria preciso que eles soubessem perder e ganhar, o que felizmente para nós não sabem.
    Apenas exijo Profissionalismo dos nossos elementos, nada mais.
    Vêm fazer a festa, pois que a façam, sem problemas ou provocações espero eu.

  9. Sou benfiquista e acho esta questão nem deve ser colocada. Nunca existu esta cultura ou tradição em Portugal.

    Quanto ao jogo de domingo, para o Benfica, é o menos importante do que falta da temporada. Mas é importante para o futuro do FCP e de alguns jogadores do SLB que jogarem.

    1. Mas que raio…?!

      Só é “importante” na medida em que no Dragão mandamos nós!

      De resto é absolutamente indiferente! Por mim jogavam os Bs!

      Cá está a superior mania Benfiquista…

      1. Caro Jorge,

        O que eu disse, é que para o Benfica, dos jogos que faltam é o menos importante.
        E repito é mais importante para o Porto (os jogadores já têm um treinador na bancada para impressionar e pode ser o início de um ciclo para a próxima época), do que para o Benfica (que quando muito vai dar para alguns jogadores aproveitarem o palco do Dragão para se mostrarem a Jesus para garantir um lugar na próxima época).
        Eu não vejo nada disto como um desrespeito ao FCP, porque se fosse um outro clube da I Liga o “tratamento” a este jogo, porparte do SLB deveria ser o mesmo.

        De resto até acho (sem qualquer sarcasmo e pelo escrevi acima) que a ganhar alguém amanhã, será o FCP.

    1. Engraçado… uma filiação clubística define um quanto um Homem e’ honrado!!
      Nao acreditando nas suas palavras, sempre lhe deixo um conselho, a ser verdade cuidado com as mesmas!!

      De resto concordando -excepção feita ao resultado- com o post, e achando que dignificaria mais o Porto que o próprio Benfica, acho de difícil concretização devido ao infeliz passado entre os dois clubes e presidentes!

      Saudações

      Luis Borges

  10. Jorge.Sem querer ser mal interpretado.
    Acho de muito mau gosto esta cronica,péssimo mesmo.
    E se este porto marcar 3golos ,ha uma equipa com dois palmos de testa ,todo o staff ,devera fazer peregrinação a13de maio ,ha cova da eiria .
    Se querer ofender , mas de muito mau gosto este posta JAMAIS ,subjugarmos, apesar de o povo do norte, ter engrandecido com Bitorias,mas nao saber ter crescido,e ter ficado parecido com os lampionicos.
    Subjugarmos, Nunca Jamais E apesar de tudo este Porto não tem classe ,mas os mouroslampionicos também não ha teem como ficou provado 3 meias que jogaram ,nao se esqueçam ,que a bola e uma industria ,portanto tem de girar ha moda de bolyhood
    Mas mau gosto mesmo

  11. Quem não sabe reconhecer não merece ser reconhecido.
    Quanto muito podiam oferecer umas camisolas com o nome do lucilio vigarista que nomeou todos os árbitros para os jogos deles

  12. Quem não reconhece não merece ser reconhecido! Caro Jorge, isto é básico!
    Contra aquela escória marchar, marchar!
    OH MEU PORTO ONDE A ETERNA MOCIDADE
    DIZ À GENTE O QUE É SER NOBRE E LEAL
    TEU PENDÃO LEVA O ESCUDO DA CIDADE
    QUE NA HISTÓRIA DEU O NOME A PORTUGAL…

  13. Concordo em absoluto.
    Primeiro, era uma bofetada de luva branca ao épico episódio do estádio das trevas.
    Depois, era uma bofetada de luva branca a Jacksons, Danilos, Mangalas, Varelas, Licás, Josués, Carlos Eduardos e outros que meteram nojo a época toda.

  14. Caro Jorge, conseguiste lançar algum sal & pimenta num jogo que não conta para nada, a não ser para ganhar ao rival…
    Não temos cultura para isso, e com os dirigentes que estão dos dois lados, no way
    Vamos “lamber as feridas”, preparar a próxima época, e eles que façam a festa, sem exageros e com respeito

  15. O que interessa a comunicação social? O que interessa ser o rival?
    Receber o adversário dessa forma era uma banhada de desportivismo que dávamos, mesmo após todas as críticas e mal dizer.
    É preciso respeitar para ser respeitado. Se os outros não nos respeitam, é o problema deles, por isso é que ganham de vez em quando.

Deixar uma resposta