O Nuno Luz tem mais piada que o Jon Stewart

Vi meia-dúzia de minutos do Sporting. E dou desde já os meus parabéns aos moços de verde. Fizeram o que nós não conseguimos por um simples motivo: não desistiram. Responderam a pancada com pancada e meia, lutaram com as armas que têem e ganharam o jogo. Até podem apanhar sete à Bayern na segunda mão, mas esta vitória ninguém lhes tira.

Mas a pérola foi a emissão da SIC. Ouvir o Nuno “Sacos-de-mijo-nos-cornos” Luz, o Paulo Garcia e o outro imbecil do “Go, go home now” a discutirem qual era o rapaz com mais cabeça para sacar um amarelo ao outro e impedir que o adversário jogasse o jogo em Manchester foi priceless. Os dois rapazes? Os únicos que ostentam o seu próprio QI nas costas com todo o gosto: João Pereira (45) e Balotelli (47).

E a forma como Nuno “Olha-eu-no-chão-à-porta-de-Alvalade” Luz faz do nome do italiano o que todos os jornalistas fizeram do Kuwait nos anos 90 é linda. Boloteli. Bolateli. Balateli. Qualquer um serve.

Que besta, senhores.

11 comentários

  1. O mais ridiculo foi quando perto do fim comentavam a possivel mao na bola do Toure…QUE NAO FOI!-Evidente pelas imagens da repetição, mas mesmo depois disso os “cegos palhaços” diziam que o arbitro nao teve coragem para marcar e que “não se atreveu” e que olhou na direcção do juiz de linha que nao estava la e tal e coisa…Nem viram que o arbitro olhou para o jogador do Sporting, que estava aos gritos a pedir penalty, a dizer que se calasse…
    Uns palhaços estes “comentadores”

  2. Sorry, 7 foi ao Bayer e não ao Bayern!
    Sei que o sabes, foi um deslize, mas vamos lá para quem estiver distraído com as pérolas do Nuno Luz : uns são de Leverkusen e fazem aspirinas-já para o caso de levar 7-e os outros são de Munique. Tradução de Bayern, Baviera …)

  3. Mais piada que o Jon Stewart não, mas mais ridículo sim.
    Pensei, Jorge, porque não vi todo o jogo e não apanhei essas pérolas, que te referias a uma cena do início do jogo em que, depois de pedirem um penálti a cruzamento da direita com a bola a bater na barriga do Lescott, o Insúa remata de longe a bola bate no cu, em cheio, do Kolo (e bem longe da área) e o pé de microfone garantiu que viu tudo e a bola bateu no braço.

    Ah, pelo caminho, na rádio do carro, ainda ouvi um pascácio da RR a confundir o Milner, loiro mais branco não há, com o moreno Clichy.

    Dasse, não há memória nem do Gabriel Alves!

  4. LOOOOL…é tão urso este nuno saco de mijo nos cornos….mas eu que ouvi o jogo na TSF saquei esta pérola a meio do jogo…”Este Dzeko…vou-te dizer…não joga pevide…é uma estaca”…e a rir-se como um perdido (às tantas pensa que vai a manchester e não traz o saco cheio)…eh pah…é impressão minha ou os jornalistas tinham obrigação de conhecer minimamente os jogadores em campo?..não joga pevide???

Deixar uma resposta