Ouve lá ó Mister – Braga

André, finalista!

É hoje.

Uma temporada para a história, até agora. A Supertaça foi excelente, a Liga divinal. Ninguém, nenhum de nós, os indefectíveis Portistas, aqueles que vão aos jogos todos no Dragão e até os imparáveis apoiantes nos jogos fora, entre os milhares, as centenas de milhares, os milhões de Dragões por esse mundo fora, simpatizantes e sócios, ninguém esperava este destino. Dublin pode entrar para a lista de cidades tão importantes para qualquer Portista como Viena, Sevilha, Gelsenkirchen ou Tóquio. Basileia e Mónaco não interessam a ninguém, como se sabe, ainda por cima fala-se francês em ambos e ninguém fala Francês. Até em França o evitam.

De qualquer maneira, a épica época pode sê-lo ainda mais. Hoje. André, tens a hipótese dos guerreiros de Esparta, dos heróis pré-Olímpicos, de inscrever o teu nome na curta lista de treinadores vencedores na Europa. Shankly, Trapattoni, Van Gaal, Lucescu, Eriksson, Mourinho…Robson. Sir Bobby Robson, o teu primeiro mentor, o homem que te lançou nesta louca cavalgada de onde estás a emergir como um homem com nome próprio. Hifenizado, é certo, mas teu. E estás a noventa curtos minutos de distância.

Tens as armas todas prontas. Um guardião elástico, firme, seguro e confiante; um quarteto defensivo experiente, rijo, duro e entrosado; um meio-campo dinâmico, criativo, solidário e talentoso; e um ataque versátil, rápido, agressivo, eficaz, imprevisível e irreverente. Tens tudo e tudo foi pela tua mão. Aproveitaste as fundações de Jesualdo, a inteligência de Pinto da Costa, a escola de Pedro Emanuel, a força de José Mário, a visão de Daniel Sousa, a visão de Vitor Pereira e a cultura de Will Coort. Pegaste em todos os ingredientes deste conjunto de homens trabalhadores e agregaste tudo numa mescla de profissionalismo e vitória.

Só faltam noventa minutos. Estou lá em cima, junto dos gajos de azul-e-branco. Vence, André. Por ti e por nós.

Sou quem sabes,
Jorge

Porta19 – Live from Dublin

No dia da final da Europa League, enquanto estiver em Dublin, vou tentar fazer uma coisa engraçada caso o meu telemóvel permita. Durante o dia, em ocasiões que me pareçam merecer atenção particular, vou espetar aqui no blog umas fotos da viagem de todo o staff do Porta19 (ou seja…eu) à cidade de Dublin para assistir ao FC Porto vs Braga.

Se correr bem, se a tecnologia funcionar e se tiver rede, muito bem. Caso contrário, voltamos a falar na quinta-feira!

A todos que vão amanhã fazer aquela que se espera seja a deslocação mais feliz da temporada, boa sorte e boa viagem. À malta que fica por terras lusas, juntem-se em cafés e restaurantes, ruas e avenidas, bares e roulottes, salas e corredores. Desde que haja uma televisão ou uma telefonia, o que interessa é ver a bola. E torcer por mais uma vitória do nosso FC Porto.

Bluegosfera em Dublin?

Curto e grosso: quem é que vai estar em Dublin? Já combinei um rendez-vous muito pouco secreto com o João Amorim, comentador aqui do Porta19 e o André Oliveira do Mística do Dragão e não me importava nada de encontrar o resto da malta que por lá vai andar.

Dizeinde qualquer coisa aqui nos comentários, faxabôr. Vamos todos partilhar um brinde nesse grande dia!!!